Apoio Simplificado para Microempresas


Face às dificuldades colocadas pela crise originada pela COVID-19, o governo anunciou um apoio simplificado para apoiar a manutenção dos postos de trabalho, diminuir as situações de crise empresarial, tal como, reduzir o risco de desemprego dos trabalhadores de microempresas afetadas pela crise empresarial..

O apoio simplificado para microempresas é destinado às micro que tenham requerido ao lay-off simplificado e/ou ao apoio à retoma progressiva e em situação de crise empresarial, com quebra de faturação ≥25%  no mês civil completo imediatamente anterior ao mês civil a que se refere o pedido inicial do apoio, face ao mês homólogo do ano 2020 ou 2019, ou face à média mensal dos seis meses anteriores ao pedido.

O apoio base corresponde a 1.330€/trabalhador, pago de forma faseado ao longo de seis meses.

Ao montante de 1.330€ poderá somar-se um salário mínimo nacional, pago de uma só vez, caso a empresa se mantenha em situação de crise empresarial em junho de 2021 e não tenha beneficiado do lay-off simplificado ou do apoio à retoma progressiva durante o corrente ano.